Páginas

Pinacoteca, Cultura e Redes Sociais


No post anterior, falei sobre o uso das redes como espaço para exposição pública das banalidades do cotidiano. E dei uma leve apontada para a ideia de que o popular não deve ser menosprezado, afinal é ele que engrossa a cultura da nossa sociedade.

Hoje quero dar um exemplo de como as redes sociais também são espaços para propagação da arte e da educação.

A Pinacoteca do Estado de São Paulo vem há algum tempo realizando pequenas ações de comunicação envolvendo as mídias sociais. A campanha mais recente promove uma interação entre as obras do acervo da Pinacoteca e jovens artistas que possuem algum envolvimento com as redes sociais.

Como primeira ação do projeto "Obra Aberta", a Pinacoteca convidou quatro escritores, poetas e jornalista para cada um, criar um suposto texto da carta que aparece nas mãos da personagem do quadro "Saudades", do artista Almeida Junior.

As cartas criadas por cada um dos artistas convidados foram expostas na página da Pinacoteca no Facebook e também foram citadas no blog de cada um dos convidados.

A ideia é espalhar a cultura e promover a Pinacoteca, a partir da exposição e interação das obras do acervo dentro das redes sociais. Boa proposta.

Abaixo a relação dos convidados e o link para seus respectivos posts:
- Cecília Giannetti (http://escrevescreve.wordpress.com)
- Ana Guadalupe (http://welcomehomeroxy.interbarney.com)
- Daniela Arrais (http://donttouchmymoleskine.com)
- Pedro Jansen (http://aidoutorquedor.wordpress.com)